Tag Archives: mercados

Mercado de Matosinhos

Em Matosinhos existe um mercado municipal, bem mantido e muito procurado. Este mercado é interessante de analizar até porque é obra da mesma equipa de arquitetos e engenheiro que fez o Bom Sucesso. Aqui ficam fotos de Pedro Figueiredo desse outro mercado.

Anúncios

Mais um painel para a exposição fotográfica

Publicamos agora algumas das fotos que Olívia Marques da Silva fez, entre 1995 e 1997, para o projecto “8/2” sobre a importância do impacto social e cultural das vendedoras e vendedores nos mercados municipais nas cidades do Porto – Mercado do Bom Sucesso – e de Derby (Reino Unido) – The Victoria Hall Marketplace.

vendedor e vendedora de Mercados Municipais, foto de Olívia Marques da Silva, 1995-7

Portimão, um caso de Mercado vivo

Segundo notícia do Jornal do Algarve o Mercado de Portimão programou uma série de actividades para a época do Natal:

Mercado de Portimão, foto do Jornal do Algarve

«Espetáculos de música e magia, exposições, troca de brinquedos e muita animação vão “invadir” o mercado municipal de Portimão até ao dia 24 de dezembro. Para comemorar o terceiro aniversário, o mercado está também a oferecer promoções que recaem em produtos típicos como chouriço, queijo, azeite, vinho, batata-doce e medronho».

Este Mercado fez três anos em 11 de Dezembro.

E ainda:

«No espaço comercial do mercado será ainda inaugurada, no dia 15 de dezembro, a exposição “Natal + Ecológico e Solidário”, um projeto a cargo das crianças dos jardins-de-infância do agrupamento de escolas Eng.º Nuno Mergulhão e dos alunos da EB1 da Coca-Maravilhas, que reutilizaram materiais como garrafas de plástico e cartão».

Será disponibilizado um «sítio dos fresquinhos», uma caixa onde as crianças podem trocar brinquedos usados pelos outros que aí encontrem.

Haverá também campanhas de alimentação saudável e rastreios gratuitos – visão, audição e colesterol –  assim como animação musical.

Revitalizar bairros e cidades com mercados municipais

[Publicamos um texto de José Carlos Marques, sobre os Mercados:]

Mais uma achega para este nosso tema recorrente…

Num artigo intitulado “Comércio de rua; como é que se vai devolver gente às lojas da Baixa de uma cidade?”, (jornal Público de 5 de dezembro último, suplemento “Cidades”), com coisas interessantes e outras menos, destaco este fragmento:

“Mercados também ajudam
Bons mercados municipais podem ser uma estratégia para dar coesão e revitalizar os bairros e as cidades. Quem o diz é o consultor para a área dos mercados municipais Jordi Tolrà, responsável pela comunicação dos Mercats de Barcelona até ao ano passado. «Está comprovado que a remodelação de um mercado de alimentação melhoira o ambiente urbano em que se encontra, atrai novos tipos de comércio e novos moradores.»

A seguir cita-se João Rosado, presidente da Acral (Associação de Comércio e Serviços da Região do Algarve), que invoca os bons resultados da reabilitação dos mercados municipais de Loulé, de Faro e de Portimão nos últimos três anos. No de Faro instalou-se até um supermercado e uma loja do cidadão… Não fala do de Olhão, talvez arquitectonicamente o mais bonito dos quatro (era, pelo menos).

Conheci estes mercados algarvios na década 1980-90 quando eram vivíssimos, belos e animados. Receio, mas é talvez receio injustificado, que a “reabilitação” não tenha respeitado inteiramente a sua “alma”. Oxalá me engane, mas no de Faro dispensava-se bem um supermercado. Aliás a 300 metros há ou havia um ou mais do que um. O interesse do mercado era a abundância de hortícolas, legumes frescos e peixe. Não que, para não destruir a tal “alma”, seja necessário deixar tudo na mesma. O Bolhão não tem necessariamente que ser o folclore das peixeiras e das beijocas eleitorais aos caudilhos… É tudo uma questão de grau, peso e medida, de uma combinatória equilibrada entre o antigo e o novo em que é o novo que deve prestar vassalagem ao antigo sem perder com isso caráter.

O que é importante é que o centro de gravidade continue a ser o mercado de alimentação, de frescos e sempre que possível com abastecimento de produtores de proximidade, com outras coisas que girem em torno da alimentação, como restaurantes, tasquinhas simples ou requintadas, livros de cozinha e alimentos como vi em Madrid perto da Plaza Mayor, etc. E não centros comerciais convencionais (como tenderia a ser o do Bolhão no projeto em boa hora enterrado), ou hotéis low cost (Bom Sucesso), ou incubadora de ateliês de design (Matosinhos).

Na nossa perspectiva rur-urb, o mais importante de tudo é fazerem parte de um complexo de apoio e revitalização à produção agrícola local ou próxima, na medida do possível de orientação ecológica (sustentável, tradicional, biológica ou outros qualificativos que lhe assentem).

JCM

Campo Aberto e Quercus apoiam a requalificação do Bom Sucesso

Associações ambientalistas assinam com o nosso Movimento um Comunicado conjunto apoiando o comércio de proximidade e a requalificação do Mercado:

Para um comércio sustentável precisamos do Mercado do Bom Sucesso

O Mercado do Bom Sucesso é um sítio público onde está tudo à mão. Dos frescos à mercearia, podem comprar-se produtos numa relação com quem vende de proximidade e confiança.

No Mercado Municipal é que se podem encontrar os produtos da agricultura de proximidade, alguns saídos das hortas da própria cidade, aquelas espécies locais ausentes das grandes superfícies.

Ao Mercado vamos fazer compras a pé ou vamos de transporte público, dada a sua localização central.

No Mercado do Bom Sucesso não há embalagem a mais, ao invés do que acontece nos supermercados.

No Mercado do Bom Sucesso há comerciantes com iniciativa e vontade de trabalhar, compete ao poder local assegurar as condições do exercício dessa actividade económica que emprega cerca de 400 pessoas.

O comércio que lá se faz, sendo tradicional, é uma forma de comércio de futuro, porque é mais sustentável e mais racional do que o que arrasta famílias em filas de automóveis para comprar em centros comerciais e outras grandes superfícies.

Porque é sustentável e porque tem futuro, as associações ambientalistas, abaixo designadas e o Movimento Bom Sucesso Vivo, entendem dever tomar posição no sentido de que o Mercado do Bom Sucesso continue a ter a actividade comercial que o caracteriza e que tanta falta faz em cidades que aspiram a um melhor ambiente.

Por isso apelam à Câmara do Porto e à tutela central desta actividade comercial para que criem todas as condições para que o Mercado do Bom Sucesso seja requalificado e se mantenha em funcionamento enquanto equipamento público de comércio de proximidade.

Campo Aberto

Quercus

Movimento Bom Sucesso Vivo!

Abertura de mercados no feriado de 8 de Dezembro

cadeado, foto de cássio abreu, Flickr

Segundo nos informam da Associação de Feiras e Mercados do Norte de Portugal, os comerciantes do Mercado do Bolhão viram a sua pretensão de abrir hoje o mercado ao público ser recusada pela Câmara. Note-se que em vários países estrangeiros isto é prática comum, sobretudo numa época próxima do Natal.

A Câmara dá todas as facilidades às grandes empresas exploradoras dos centros comerciais enquanto só cria obstáculos ao comércio de proximidade.

Mercados na Europa

Uma busca no Flickr sobre fotos de mercados em funcionamento na Europa, presenteou-nos com uma série de imagens que retratam bem como em outras grandes cidades estes equipamentos são muito frequentados, estão bem mantidos e plenamente enraizados na vida urbana.

Do mesmo modo o Porto tem necessidade dos seus equipamentos públicos de comércio de proximidade e tradicional.

Oram vejam:

Barcelona:

bsvivoIMG_html_c93ea7bMercado da Boqueria, por bigeoino 2 de Março de 2007
bsvivoIMG_html_41893810
Mercado, por fiona bird, 10 de Outubro de 2007
bsvivo_html_9af005b
Mercado da Rambla, por Sharon G. 2004
bsvivo_html_m22aa8bf4
Belos postos no mercado, por Steve & Jemma Copley, 14 de Agosto de 2006

Valencia:

bsvivo_html_160abd51
Edifício do Mercado Central,  por baldheretic, 17 de Março de 2009
bsvivo_html_m78c7ce82
Mercado, por sarsifa, 11 de Novembro de 2008

Toulouse:

bsvivoIMG_html_f09865d bsvivo_html_365c3f8f
Talho do Mercado Victor Hugo, por noodlepie, 25 de Agosto de 2007 Restaurantes no Mercado Victor Hugo, por noodlepie, 21 de Setembro de 2007

Londres:

bsvivo_html_5d79bddb bsvivoIMG_html_dbe060e

Mercado de Queens, Upton Park, por wallyg, 11 de Novembro de 2006
Mercado de Natal de Borough, por Kevglobal,  20 de Dezembro de 2008
bsvivo_html_3a9f9834
Mercado de Leadenhall, City, por wallyg, 15 de Novembro de 2006

Hamburgo:

bsvivoIMG_html_1a80d9fc bsvivo_html_m74dbd0de
Mercado de alimentação, por nickherber, 9 de maio de 2006 Mercado de alimentação, por Jo Naylor, 21 de Junho de 2009

Veneza:

bsvivo_html_67f69003
bsvivoIMG_html_m6e9616dc
Mercado do Rialto, por artorusrex, 12 de maio de 2008
Mercado de Peixe, por kh1234567890, 14 de abril de 2005