Protesto por um Mercado do Bom Sucesso Vivo!

foto de bricolage.108, Flickr

Esta terça-feira, 31 de Maio, às 17h, o Mercado tem encerramento anunciado. Esta data foi alterada face ao novo prazo para encerramento anunciado pela Câmara.

Apelamos a todos e todas as apoiantes desta causa que venham ao Mercado, a partir das 14 horas, aproveitem a vossa pausa de almoço ou permaneçam até à hora de encerramento.

Por uma ação de cidadania! Por um Mercado Bom Sucesso Reabilitado e Vivo!
É responsabilidade dos cidadãos portuenses uma atitude participativa na sua cidade.

A nossa luta por uma verdadeira requalificação do Mercado Municipal vai continuar.

A cidade tem direito a um mercado municipal com comércio de proximidade!

Anúncios

2 responses to “Protesto por um Mercado do Bom Sucesso Vivo!

  1. vasco magalhães

    Alguém conhece o percurso académico da Arq. Rosário Rodrigues, o técnico responsável pelo projecto de arquitectura? e o que fez profissionalmente e as suas pegadas PIMBA na cidade dos últimos 20 anos? alguém se dê ao yrabalho de apreciar a famosa torre das antas e aprecie (do geral ao particular)… tenho colegas professores (habituados ao padrão da classificação) que asseguram que tal proposta chumbaria redonda num ano segundo do curso superior de arquitectura, tal o despropósito e abordagem deformada, “abrutalhada” que aceita um programa que não distingue património de chouriços ou alheiras de Mirandela.
    É que a cultura da “congestão” e proveito financeiro/económico é também ela uma arte que não se compadece com a superficialidade em causa latente no filantropismo de pacotilha do discurso da preocupada técnica que declara que “assim não tem rentabilidade”…para ela se calhar!
    Ao Portuense, que saiba que na cidade polula uma massa de arquitectos, capazes e bem mais interessados no interesse público que se calhar aceitariam oferecer à Câmara ou à Eusébios um projecto mais qualificado e visualmente culto, neste momento em nome do interesse cívico!

    • mercadobomsucesso

      temos pedido reuniões à ministra da Cultura para podermos discutir esta matéria, e a própria Ordem dos Arquitetos se disponibilizou para servir de mediadora, depois de mostar a sua preocupação com um projeto de alteração irreversível, no seu dizer. também nós estamos perplexos como foi possível aprovar semelhante aberração.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s